Capoeira Brasil

.


Toques e fundamentos

Compartilhe

formiguinha
Admin

Mensagens : 3
Pontos : 6
Data de inscrição : 27/07/2016

Toques e fundamentos

Mensagem por formiguinha em Seg Ago 01, 2016 12:43 am

Toques e Fundamentos
Angola

É o toque específico do jogo de Angola. É um toque lento, cadenciado, bem batido no atabaque, tem um sentido triste. É feito para o jogo de dentro, jogo baixo, perigoso, rente ao chão, bem devagar.


Angolinha

É uma variação pouco mais rápida do toque de angola, serve para aumentar o ritmo quando vai mudar o jogo.


São Bento Pequeno

É o toque para jogo solto, ligeiro, ágil, jogo de exibição técnica. Também conhecida como ANGOLA INVERTIDA.


São Bento Grande de Angola

É o toque mais original da capoeira Regional. É muito usado em apresentações públicas, rodas de rua, batizados e outros eventos e também nas rodas técnicas das academias para testar o nível de agilidade dos alunos.


Iúna

É usado apenas para o jogo dos mestres. Neste toque, aluno é platéia, não joga nem bate palmas, jogam apenas os mestres e contra-mestres e algum instrutor, professor ou aluno graduado se, por ventura, seu mestre autorizar e lhe ce der a vez de jogar. No toque de Iúna não há canto.


Lamento


É o toque fúnebre da capoeira. Usado apenas em funerais de mestres.


Amazonas


É o toque festivo, usado para saudar mestres visitantes de outros lugares e seus respectivos alunos. É usado em batizados e encontros.


Cavalaria


É o toque de alerta máximo ao capoeirista. É usado para avisar o perigo no jogo, a violência e a discórdia na roda. Na época da escravidão, era usada para avisar aos negros capoeiras da chegada do feitor e na República, quando a capoe ira foi proibida, os capoeiristas usavam a "cavalaria" para chegar da chegada da polícia montada, ou seja, da cavalaria.


Santa Maria

É o toque usado quando o jogador coloca a navalha no pé ou na mão. Inscita o jogo mas não incentiva a violência.


Banguela ou Benguela

É o mais lento toque de capoeira regional, usado para acalmar os ânimos dos jogadores quando o combate aperta.


Idalina

É um toque lento, mas de batida forte, que também é usado para o jogo de faca ou facão.


São Bento Grande de Bimba (Regional)

Como o nome já diz, é o toque de Bimba, pois é um tipo de variação diferente que mestre Bimba criou em cima do toque original de São Bento Grande.


Samba de Roda


É o toque original da roda de samba, geralmente feita depois da roda de capoeira, para descansar e descontrair o ambiente. É no Samba de Roda que o capoeira mostra que é bom de samba, bom de cintura e bom de olho em sua companheira.


Apanha a Laranja do Chão Tico-Tico

Nas festas de Santa Bárbara, era usado para o "torneio" que consistia no seguinte: dois capoeristas exibiam-se tentando apanhar com a boca um lenço branco que era jogado no meio da roda, consagrando-se vencedor, aquele que o apanhava O referido toque é acompanhado da melodia do mesmo nome, que originou-se deu uma brincadeira de roda, muito conhecida em rodas que tem a presença de mestres antigos que botam uma cédula no meio da roda e começam a jogar em busca dela.


Samango


Criação de Mestre Canjiquinha. É lutado de lado, tem a presença de poucos movimentos. Sua característica de manifestação é a chapa giratória, a chapa de lado, rasteira e vôo de morcego.


Muzenza

Toque originário do candomblé, criado pelo Mestre Canjiquinha. Na capoeira demonstra-se desprezo pelo adversário.


Maculelê


É o toque usado para a "Dança do Maculelê", ou para o jogo do porrete, faca ou facão.


Barravento

Toque rápido, bonito e agradável de se ouvir, em que o solista demonstra os infindáveis recursos de repique que há no berimbau. O jogo é solto, muito à vontade; é uma demonstração de alegria.
Outros toques que não foram citados são toques mais usados para florear, enfeitar o jogo, dar andamento à roda, geralmente são usados em eventos e festas de capoeira para esticar a duração do jogo quando se preparam outras atrações durante o acontecimento da roda.


É essencial a um bom capoeira que ele domine com perfeição todos os toques que conseguir e que pratique o ritmo dos três berimbaus ou seja, que ele toque o Gonga tão bem quanto o Médio e este tão bem quanto o Violinha.

    Tópicos similares

    -

    Data/hora atual: Sex Out 20, 2017 6:13 pm